Home / Notícias / Marido era alvo de atiradores que cercaram família e mataram mãe e filha, diz polícia

Marido era alvo de atiradores que cercaram família e mataram mãe e filha, diz polícia

Crime aconteceu na noite da última sexta-feira (12) em Araucária

 

A Polícia Civil acredita que Rodrigo de Oliveira Camargo, de 30 anos, que sobreviveu ao atentado que matou a mulher e a filha dele na última sexta (12), era o único alvo dos atiradores. O caso aconteceu em Araucária, na região metropolitana de Curitiba, quando os assassinos cercaram o carro da família e dispararam várias vezes.

Cristiane Munhoz, 25, e a filha que carregava no colo, Julia Camargo Munhoz, 4, não resistiram e morreram ainda no local, abraçadas. Rodrigo conseguiu correr e se salvar. Ele foi socorrido ao hospital em estado grave e recebeu alta nesta segunda-feira (15).

De acordo com o delegado João Marcelo Reik Chagas, responsável pelo caso, as investigações apontam que a motivação do crime seria o envolvimento de Rodrigo com o tráfico de drogas. “Essa foi a primeira informação que nós recebemos. Ao ser questionado ainda no hospital, ele nos disse que não sabia o motivo do que aconteceu e que não tinha visto ninguém, já que os atiradores estavam encapuzados. Nós respeitamos a orientação médica de não insistir muito e vamos guardar para ouvi-lo na delegacia”, comentou ele em entrevista à Banda B.

O delegado ainda afirmou que a polícia já havia recebido narcodenúncias referentes ao endereço da família. “A princípio, o alvo seria o marido. Ele já tem passagem por tráfico e nós acreditamos em acerto de contas, que é a principal linha de investigação. Já trabalhamos com alguns nomes que chegaram por denúncias anônimas e testemunhas e vamos investigá-los”, completou.

Diferente do que a Polícia Militar (PM) havia informado no local do crime, o delegado disse que Cristiane não tinha passagens. As investigações continuam para identificação e localização dos suspeitos.

 

Fonte: Banda B

Deixe seu comentário

Comentar

Sobre Emanoel Santos

Leia também

Após 13° arrastão no ano, prefeitura e PRF anunciam reforço na fiscalização em ônibus

As primeiras ações, segundo a prefeitura, deverão ocorrer nos próximos dia Após o 13° arrastão …