TOPO

Cinco pessoas suspeitas de receptação de celulares são presas em Curitiba

Cinco pessoas suspeitas de receptação de celulares são presas em Curitiba
Crédito da(s) Foto(s) para: Polícia Civil do Paraná

Cinco pessoas suspeitas de receptação de celulares, foram presas em flagrante pela Delegacia de Furtos e Roubos (DFR) de Curitiba, na manhã de terça-feira (16). Com elas, a polícia recuperou oito aparelhos roubados.

A ação de investigação que aconteceu nos bairros Bacacheri, Bairro Alto, Portão, Hauer e Uberaba, faz parte da operação “Blackout”, que visa identificar e prender os envolvidos na receptação de celulares levados em assaltos ocorridos em shoppings e mercados da cidade. A especializada chegou até os receptadores depois de uma série de investigações de campo e inteligência.

De acordo com o delegado titular da DFR, Matheus Laiola, as diligências seguem em andamento. “Ainda há vários celulares roubados que devem ser recuperados. Nos próximos dias novas prisões devem acontecer”, afirma o delegado.

A ação policial foi batizada como “Blackout” porque após os roubos e furtos de aparelhos celulares, a polícia solicita ao Poder Judiciário o bloqueio imediato do IMEI (número único que identifica o aparelho) para que não possa ser repassado/vendido para as pessoas.

Todos os suspeitos responderão pelo crime de receptação dolosa. Se condenados podem pegar uma pena de um a quatro anos de prisão.

PRISÃO – Em outra ação distinta realizada na segunda-feira (15), policiais da DFR prenderam em flagrante um homem de 33 anos, suspeito de receptação dolosa. O homem foi abordado pela equipe da especializada na rua Alvaro Botelho, bairro Bacacheri, no momento em que conduzia uma caminhonete CRV preta.

Ao checar a placa do veículo no sistema policial, os investigadores constataram que o carro foi levado em assalto no último domingo (14), no bairro Boa Vista. O suspeito não esboçou reação no momento da prisão. Ele responderá pelo delito de receptação.

Meio da Página

Fonte:Polícia Civil do Paraná

Sobre o Autor

Posts Relacionados

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Meio da Página